Acessibilidade

A acessibilidade é um mecanismo facilitador e de respeito à todas as pessoas.

O ambiente adaptado e acessível, as atitudes e oportunidades, exercem papel fundamental na vida de todo e qualquer ser vivo, independente da sua idade, gênero, raça, deficiência ou eficiência, pois permite que muitas ações se tornem alcançáveis.

Diante das limitações que a deficiência proporciona, nossas crianças e adolescentes com deficiências e eficiências, aprendem a conviver com suas dificuldades e lutam incessantemente para superação de limites.
As limitações motoras, intelectuais e/ou de comunicação são grandes dificultadores para autonomia, independência, aprendizado, execução de tarefas diárias, desenvolvimento e interação com o meio.

O INSTITUTO MARIA CLARO busca transpor essas barreiras por meio de diferentes ações como as apresentações de dança adaptada, apresentações de música, através do Projeto “Tudo bem ser Diferente” – com o Livro SER DIFERENTE É LEGAL, através das palestras e orientações realizadas pela Equipe Multidisciplinar, através das visitas realizadas na Instituição, dentre inúmeras ações:

ACESSIBILIDADE ATITUDINAL: a maior barreira que a pessoa com deficiência enfrenta é o preconceito.
Infelizmente, o paradigma da deficiência como sinônimo de incapacidade ainda existe. Essa afirmação é uma inverdade, pois a incapacidade é muitas vezes mais valorizada em detrimento das CAPACIDADES E POTENCIALIDADES das pessoas com deficiência.

Aqui na Maria Claro nós também não estamos “preparados” para toda e qualquer deficiência que a Natureza humana é capaz de produzir, mas, à medida que absorvemos as crianças e suas famílias, buscamos inúmeras formas de recebe-los e ajuda-los a fazer parte do mundo.

TODOS sabem que a Pessoa com Deficiência, assim como qualquer SER HUMANO, tem o direito de não ser discriminado. No entanto a discriminação a elas, por causa da deficiência, ocorre o tempo todo e, quase sempre, não de forma consciente; às vezes, até movida de boas intenções.

Sempre que alguém nega a outrem o gozo de direito, DA MESMA FORMA QUE OS DEMAIS EXERCEM, isso pode ser discriminação.

Essa tutela que a sociedade adota frente a tais pessoas acaba sendo SUFOCANTE.

AFINAL todos NÓS SOMOS PESSOAS COM DEFICIÊNCIAS E COM EFICIÊNCIAS, PORTANTO A ACESSIBILIDADE BENEFICIA A TODOS!