Nossa História

O projeto deu-se início na década de 60, quando Maria Glória Rodrigues Claro Camargo recebeu como herança de seus pais, uma gleba de terra nos altos do Jardim América. Naquela ocasião, manifestou o desejo da doação dessas terras para construção de um sanatório destinado a atender toxicômanos.

Em 1962, Maria Glória Rodrigues Claro Camargo e seu marido Dr. Fernando Rocha Camargo, num gesto de solidariedade, doaram o terreno para o Lar Ivan Santos de Albuquerque, atual mantenedor do Instituto Maria Claro. Dava-se então, início à execução do projeto.

Durante anos, pessoas envolvidas na causa, com perseverança, amor e dedicação, trabalharam na execução das obras. Os recursos eram arrecadados através de almoços preparados em cozinha improvisada, sendo servido sob as árvores.

O projeto inicial da instalação do sanatório mudou com o passar dos anos a fim de atender a real necessidade de Sorocaba, sendo decidido então, que o local abrigaria uma creche para crianças com deficiências múltiplas.

No dia 05 de maio de 1993, graças à dedicação de muitas pessoas o projeto virou realidade e passou a atender 5 crianças com deficiência.

Hoje, o Instituto Maria Claro atende 130 crianças e adolescentes com deficiências múltiplas, de famílias em situação de vulnerabilidade social e oferece gratuitamente atendimento terapêutico, acompanhamento pedagógico e psicossocial.